Segunda-feira, 19 de Dezembro de 2016

Coração arrumado...Razão acima de tudo !

Passados meses de lutas emocionais e internas tudo se vai compondo e tudo se vai arrumando, incrivel o q o Ser Humano aguenta e ao mesmo tempo assustador ao q pode ainda vir a aguentar. Porque a vida não pára, porque todos os movimentos, pessoas e momentos vão mudando.

Hoje sou a Razão acima de qualquer outra sensação emotiva, sou a construção de experiencias e momentos inesqueciveis, tanto maus como bons...mas isto é existir! Isto é viver... Mas como conseguir chegar á Razão?

 

15138359_692382997581073_3784126712708151334_o.jpg

 Deixo um texto de Migues Esteves Cardoso...ele diz tudo... :

"Como é que se esquece alguém que se ama? Como é que se esquece alguém que nos faz falta e que nos custa mais lembrar que viver? Quando alguém se vai embora de repente como é que se faz para ficar? Quando alguém morre, quando alguém se separa - como é que se faz quando a pessoa de quem se precisa já lá não está? 


As pessoas têm de morrer; os amores de acabar. As pessoas têm de partir, os sítios têm de ficar longe uns dos outros, os tempos têm de mudar Sim, mas como se faz? Como se esquece? Devagar. É preciso esquecer devagar. Se uma pessoa tenta esquecer-se de repente, a outra pode ficar-lhe para sempre. Podem pôr-se processos e acções de despejo a quem se tem no coração, fazer os maiores escarcéus, entrar nas maiores peixeiradas, mas não se podem despejar de repente. Elas não saem de lá. Estúpidas! É preciso aguentar. Já ninguém está para isso, mas é preciso aguentar. A primeira parte de qualquer cura é aceitar-se que se está doente. É preciso paciência. O pior é que vivemos tempos imediatos em que já ninguém aguenta nada. Ninguém aguenta a dor. De cabeça ou do coração. Ninguém aguenta estar triste. Ninguém aguenta estar sozinho. Tomam-se conselhos e comprimidos. Procuram-se escapes e alternativas. Mas a tristeza só há-de passar entristecendo-se. Não se pode esquecer alguem antes de terminar de lembrá-lo. Quem procura evitar o luto, prolonga-o no tempo e desonra-o na alma. A saudade é uma dor que pode passar depois de devidamente doída, devidamente honrada. É uma dor que é preciso aceitar, primeiro, aceitar. 


É preciso aceitar esta mágoa esta moinha, que nos despedaça o coração e que nos mói mesmo e que nos dá cabo do juízo. É preciso aceitar o amor e a morte, a separação e a tristeza, a falta de lógica, a falta de justiça, a falta de solução. Quantos problemas do mundo seriam menos pesados se tivessem apenas o peso que têm em si , isto é, se os livrássemos da carga que lhes damos, aceitando que não têm solução. 


Não adianta fugir com o rabo à seringa. Muitas vezes nem há seringa. Nem injecção. Nem remédio. Nem conhecimento certo da doença de que se padece. Muitas vezes só existe a agulha. 


Dizem-nos, para esquecer, para ocupar a cabeça, para trabalhar mais, para distrair a vista, para nos divertirmos mais, mas quanto mais conseguimos fugir, mais temos mais tarde de enfrentar. Fica tudo à nossa espera. Acumula-se-nos tudo na alma, fica tudo desarrumado. 


O esquecimento não tem arte. Os momentos de esquecimento, conseguidos com grande custo, com comprimidos e amigos e livros e copos, pagam-se depois em condoídas lembranças a dobrar. Para esquecer é preciso deixar correr o coração, de lembrança em lembrança, na esperança de ele se cansar." 

Miguel Esteves Cardoso, in 'Último Volume'

 

 

 

 

 

                                                                                                              

 

 

publicado por Lonely Wolf às 12:06
link do post | comentar | favorito (1)
|
Quinta-feira, 1 de Setembro de 2016

Sintonias desencontra...

E os dias vão passando...encaro a realidade, sei que quando desististe nunca mais pensaste em voltar. Não...daria imenso...

Ler artigo
publicado por Lonely Wolf às 10:07
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 8 de Agosto de 2016

Libertação...

Passadas algumas semanas de tudo o que aconteceu entre nós, o mar acalmou...e não é por acaso que a tempestade começa a ...

Ler artigo
publicado por Lonely Wolf às 11:18
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Julho de 2016

Hoje entendo...

Quase dois meses depois da ultima vez que comunicamos as ideias vão se arrumando, as certezas daquilo que eu cheguei a d...

Ler artigo
publicado por Lonely Wolf às 10:42
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 18 de Julho de 2016

Saudades de Ti...

Na calmia de um dia solitário surgiram pensamentos, daqueles que luto para que não venham ao de cima, mas por vezes é di...

Ler artigo
publicado por Lonely Wolf às 09:29
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 29 de Junho de 2016

Martinez ou nem isso....

O tempo de facto passa..voa depressa demais...As vezes sinto que andei os ultimos 20 anos perdido a fazer de conta ou a ...

Ler artigo
publicado por Lonely Wolf às 15:54
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 11 de Março de 2016

Um Amo-te que não esq...

Vivi os ultimos meses algo fantástico....sonhei ! tive esperança ! Pensei que era desta...Levei o acreditar naquele "Amo...

Ler artigo
publicado por Lonely Wolf às 15:30
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 6 de Junho de 2015

Química reciproca...

A escrita não pode ser só usada para desabafos tristes e complicados, tem de ser também para fazer pontos de situação po...

Ler artigo
publicado por Lonely Wolf às 06:42
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 3 de Março de 2015

Afinal ainda consigo ...

Quase 8 meses passaram desde que fiquei sozinho, isto é...sem ter qualquer relação seria com alguem. E depois dos ultimo...

Ler artigo
publicado por Lonely Wolf às 09:54
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 26 de Agosto de 2014

Outra Relação...que m...

Perdido no meio desta vida, sei que tenho tanto para dar, sou um coração manteiga que por vezes me dá fraqueza não deixa...

Ler artigo
publicado por Lonely Wolf às 09:40
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre este maluco

.pesquisar

 

.Dezembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.recentes e antigas

. Coração arrumado...Razão ...

. Sintonias desencontradas?

. Libertação...

. Hoje entendo...

. Saudades de Ti...

. Martinez ou nem isso...?

. Um Amo-te que não esquece...

. Química reciproca...

. Afinal ainda consigo Sent...

. Outra Relação...que morre...

.bolas de nafetalina

. Dezembro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Março 2016

. Junho 2015

. Março 2015

. Agosto 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Julho 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Agosto 2009

. Dezembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.sites amigos

.Contador da Verdade

Europa Casino
casinos
blogs SAPO

.subscrever feeds