Quarta-feira, 29 de Junho de 2016

Martinez ou nem isso...?

O tempo de facto passa..voa depressa demais...As vezes sinto que andei os ultimos 20 anos perdido a fazer de conta ou a tentar descobrir mesmo a minha pessoa interior. Os meus gostos intimos, a minha maneira exacta de ser, o que sou para os outros e o que os outros são para mim...talvez tenha andado perdido estes anos todos....talvez tenha agora chegado a uma parede que me prende e não me deixa avançar e voltar atrás é impossivel...talvez...

homem-triste-saudade-getty-images-600.jpg

 Sinto-me deprimido...aquele individuo que o chamavam de Martinez, aquele q dominava pondo sentimentos de parte e vivendo as suas loucuras mais doidas talvez andasse enganado...porque no fim de tudo ele acabava sempre por se cansar da vida q fazia...até que um dia foi apanhado naquilo que ele sempre quis...Amor completo...

O Martinez nao foi mais que uma parte mascarada de um ser fisico com receios de Amar mas que nunca aniquilou o seu desejo fulcral: Ser Amado e Amar sem Medos...e até conseguiu isso por alguns meses! Talvez a experiencia de vida que tinha não incluia esta parte, o saber gerir um Amor como sempre desejou...talvez...

Neste momento esse Martinez respira...mas nao atua...nao tem vontade...e a parte Emotiva está destruida e em depressão diaria, um buraco negro sem porta á vista nem escada de salvação. Um gatinho assustado, maltratado, humilhado, gozado e mais do que tudo...Usado! Sim usado...

Talvez um preço a pagar para o que o Martinez fez por aí e sem querer e sem pensar que um dia seria possivel acontecer...ser ele a caça...ser ele o homem que afinal podia Amar a serio e tambem ser magoado. Incrivel como tudo muda e como ninguem domina seja o que for...foi esse o erro do Martinez...pensou q tudo era moldavel e tratado...mas as coisas nao funcionam assim, porque em cada contacto de 2 pessoas há um lado que nao se controla...o outro lado...a outra pessoa...

Sinto que a maldade passou por mim...e mostrou-me que afinal a vida também pode ser horrivel...Não tenho forças para me levantar, porque desta vez não é so a parte emotiva que caiu mas sim também a vertente de um D.Juan seguro que desapareceu.

Sinto-me preso entre duas vertentes que não me deixa sair do mesmo sitio...sofro todos os dias com isso...O merecer ou não já deixou de ser importante...o seguir em frente é que me massacra, não há caminho...não há indicações..nem hipoteses viaveis de algo com possibilidades boas...Não há nada...é um vazio que se instalou e me mata lentamente...

 

Não sei como sair disto...

 

 

 

 

 

publicado por Lonely Wolf às 15:54
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre este maluco

.pesquisar

 

.Dezembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.recentes e antigas

. Coração arrumado...Razão ...

. Sintonias desencontradas?

. Libertação...

. Hoje entendo...

. Saudades de Ti...

. Martinez ou nem isso...?

. Um Amo-te que não esquece...

. Química reciproca...

. Afinal ainda consigo Sent...

. Outra Relação...que morre...

.bolas de nafetalina

. Dezembro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Março 2016

. Junho 2015

. Março 2015

. Agosto 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Julho 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Agosto 2009

. Dezembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.sites amigos

.Contador da Verdade

Europa Casino
casinos
blogs SAPO

.subscrever feeds