Domingo, 23 de Março de 2008

Estou a crescer...

Quando estamos a passar por fases menos boas da nossa vida em q tudo parece ser mau tentamos de alguma maneira lidar com isso e encarar as coisas como aquilo q a vida nos dá...seja bom ou mau.No fundo aceitar, lidar com elas e aprender, usar a experiencia para levantar a cabeça.

Ainda a recuperar de algo q atingiu este coração de manteiga aqui ando dia a dia a fazer pela vida.Um novo amor podia ser bem vindo mas um amor não correspondido seria péssimo....ou não !

Foi fantástico ter a noção plena q afinal estou mais perspicaz naqulio q dizem ser maravilhoso....o amor! Depois de ter a fatidica experiência de perder alguem q amei durante 8 anos consegui acumular em mim alguns "poderes" para ser mais rápido a ver por antecipação o q me iria acontecer num amor q eu ainda tive alguma esperança.

Não fiquei chocado nem surprendido simplesmente porque lia todos os dias nas entrelinhas das acções de alguem q eu pensei ser a "tal"....aquela q eu sei q poderia amar e abraçar e fazê-la feliz todos os dias.Pequenos pormenores q me diziam claramente q não podia haver mais do q uma amizade...deu para ver q estou mais experiente num campo q é sempre muito subjectivo.

Se durante 8 anos fui absorvido pela rotina q me fez perder o descernimento para reparar em certas coisas, agora estou perfeitamente apto aos pontos ocultos do amor, consigo ver aquilo q antes nao via ou q inconscientemente tentava ignorar.

Posso dizer q mesmo durante os dois ultimos meses houve momentos bons q consegui aproveitar e guardar nas prateleiras das emoções positivas, tais como, o seu olhar, o seu sorriso, a sua companhia, a sua voz, o seu abraço....junto ao mar.Foi óptimo e nunca o esquecerei.

No fim destes episódios acho q o paulinho está defenitivamente a crescer...não é a desaparecer como pensava no inicio....apenas a crescer.Sinto-me mais homem, mais forte e um pouco mais frio.Isso tinha q acontecer, mais tarde ou mais cedo seria inevitavél, a vida assim nos vai fazendo a pessoa q iremos ser no futuro, a questão será estarmos bem equilibrados....um pouco de tudo em nós seria quase uma perfeição divina.

Para mim já não existe fundo, apenas existe um ponto de partida para viver a vida dia a dia com vontade, não pensando demasiado em pormenores q nos desgastam e não nos levam a lado nenhum.Tenho quase a certeza q nunca ficarei com alguem apenas por ficar, ou amo e sou amado ou então estarei sozinho até morrer e hoje sei q já não tenho medo, a solidão tem tambem lugar no meu coração e simplesmente porque eu  já não tenho medo.

Nada me mete medo e se assim está escrito....assim será!

 

sinto-me: Apto a viver
tags:
publicado por Lonely Wolf às 23:48
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre este maluco

.pesquisar

 

.Dezembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.recentes e antigas

. Estou a crescer...

.bolas de nafetalina

. Dezembro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Março 2016

. Junho 2015

. Março 2015

. Agosto 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Julho 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Agosto 2009

. Dezembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.sites amigos

.Contador da Verdade

Europa Casino
casinos
blogs SAPO

.subscrever feeds